sexta-feira, 24 de maio de 2019

Carnaval 2019: Primeiras Desimpressões de Pop Team Epic

O blog tarda, mas não falha!

Chegou o #CarnaKimono2019, o Carnaval do Kimono Amarelo!
Agora que o feriadão passou e você deu um jeito de fugir dos confetes, serpentinas e marchinhas, venha curtir o melhor Carnaval Otaku... FORA DE HORA!

Confira a programação no post de abertura do CarnaKimono e venha fazer a festa conosco! #SeloLaFolia

Como funcionam os posts de Carnaval:
-Assistirei e comentarei os TRÊS primeiros EPISÓDIOS do anime escolhido;
-Independente de gostar ou odiar o anime não vai ganhar posts semanais;
-Não importa se a história só vai se desenvolver depois de N episódios, o texto traz primeiras impressões, e não "vou ver a série completa".

Sem choro, reclamação ou chiliques. Este é o esquema de Carnaval aqui.

Ficha técnica
Título: Pop Team Epic

Diretor: Jun Aoki, Aoi Umeki
Estúdio: Kamikaze Douga
Temporada: Janeiro 2018

Total de episódios: 12
Onde assistir?: Crunchyroll


Pop Team Epic
1º episódio
A Pipico é toda santa nova temporada de anime, a Pipoca sou eu PUTAÇA.
Opinião: Mais um anime que fez a cabeça dos blogueiros e influenciadores digitais da Blogosfera Otaku e que eu simplesmente passei reto.

Nesta semana, leitor, tirando Code:Realize, todas as outras análises foram de animes de comédia. E exatamente aqui caímos no problema do humor japonês e do espectador estrangeiro: nem sempre as duas coisas casam bem.

Um dos recursos que eu mais detesto é a repetição de esquetes e... adivinhe só, leitor, POPUTEPIPIKKU É SOBRE REPETIÇÃO DE ESQUETES.

"Ah, Kimono, mas você precisa entender a obra de arte que é este anime em questões técnicas" - Leitor. Leitor, meu caro leitor, eu mal comecei o post, você nem sabe o que pretendo falar sobre o que permeia Pop Team e tu já mete um "obra de arte" e "questões técnicas"?

Termina a leitura do post e depois argumenta.

Também não gosto de piadas de cunho sexual, pois considero forçação de barra e incompetência para fazer algo genuinamente engraçado. E pelo menos nos três primeiros episódios, o anime mostrou que sabe trabalhar sem depender disso.

Fui enganada no MAL quando ele disse que cada episódio tinha apenas 12 minutos.

EXPECTATIVA:

"Ah, que bom, vou poder fazer rapidinho o rascunho de Pop Team e depois adiantar mais alguma coisa. Acho que seria legal já começar a escrever o post de Kaguya..."

REALIDADE:

"Como assim o vídeo é de vinte e poucos minutos na Crunchyroll? QUE CARALHA É ESSA?"

Basicamente o MAL é um FILHO DE CHOCADEIRA, UM SITE BOSTA QUE ME ENGANOU E FODEU TODO O MEU PLANEJAMENTO! DOZE MINUTOS É O CU DE ONDE O KEPPI VAI ARRANCAR TEU SHIRIKODAMA, SEUS COMEDORES DE MERDA!

Agora vamos esclarecer a situação.

UM ÚNICO EPISÓDIO DE POP TEAM é dividido em DUAS PARTES que parecem DOIS EPISÓDIOS dentro de um. E algum engraçadalho, um engraçadinho do caralho, foi lá no MAL e colocou que cada episódio durava só doze minutinhos do que eu gostaria que ele levasse na horta, que nem Luzia.

Não são vinte e quatro episódios de doze minutos, leitor, pois essa divisão faz parte da brincadeira do anime, então o correto seria "DOZE EPISÓDIOS DE VINTE E QUATRO MINUTOS".

Esse tipo de zoeira é legal para espectadores, não para blogueiros que têm cronograma e pouco tempo sobrando.
"TÁ ACHANDO QUE ISSO AQUI É O PROGRAMA DA SÔNIA ABRÃO?"
Muito bem, depois dessa dor de cabeça o que eu esperava do anime? Que ele fosse MUITO ENGRAÇADO, pois é assim que todo mundo pintou a Pipico e a Pipoca.

Aliás, um anime chamado POPUTEPIPIKKUé para dar risada.

"Ô, Kimono, e aquela conversa de 'não gosto de piadas de cunho sexual'? Tá sendo hipócrita mesmo?" - Estou sendo apócrifa. "Pipico" não é uma piada, é um termo/gíria para designar o órgão masculino de reprodução e desaguamento de mijo.

Na verdade funciona mais como um cacófato causado pela fonética pobre japonesa.

"E aquele negócio lá envolvendo o Keppi?" - Xingamento, leitor. Nada melhor do que palavrões para extravasar.

O anime já começa confundindo a cabeça do espectador ao mostrar um tal de Hoshiiro Girldrop, que conta a história de uma estudante do Ensino Médio que é secretamente uma idol.

Eu vi a praga de Zombie Land Saga agarrando meu pé exatamente nesse momento. Praga de idol pega, gente, cuidado.

Se bem que sendo a Franchouchou, aceito até mordida da TAE YAMADA, A LENDÁRIA!

E o mais divertido é que para mostrar que a zoeira é rainha e o resto nadinha, até mesmo a prévia dos próximos episódios são como se estivéssemos assistindo Hoshiiro Girldrop.

Dá uma sensação de proibido, ainda que a abertura e encerramento depois sejam o puro suco do Pop Team Epic.

Com esse nome, obviamente o nosso adorável time épico teria muito da cultura pop que eu não peguei, pois sou uma senhorinha de noventa anos que não sabe usar esses tais de memes, que dirá entender dessas coisas de xóvens.

Atenção!: Nem toda senhora de noventa anos é atrasada mentalmente como eu. Por favor, tratem os mais velhos com respeito.

O que eu mais gostei neste primeiro episódio e que me fez olhar com carinho Poputo e Pipico foi a cena do trovão.
Eu me encontrei nessa personagem, mas eu não xingo trovão não. Não sou doida!
A GURIA BRIGANDO COM O TROVÃO ME REPRESENTA MUITO!
Simplesmente amei tudo por causa desta cena singela.

QUEM NUNCA LEVOU AQUELE CAGAÇO DE UM TROVÃO, NÃO É MESMO?

Além disso, tivemos momentos de Totoro (Studio Ghibli) censurado, a famosa corrida com o pão na boca e até o labirinto do Windows (essa só a velharada pega).

A proposta de Pop Team é apresentar uma espécie de "Jogo dos 7 Erros", mas não exatamente com "erros".

Vemos o mesmo episódio, porém, com dubladores diferentes nas personagens principais e algumas leves mudanças no texto e outros detalhes.

Por exemplo, na primeira parte do episódio aparece um trecho de um animador(?) francês e posteriormente seu trabalho com a Pipico e a Pipoca, o problema é que não temos legendas aqui.

Elas apenas aparecem na segunda parte, dando aquele estalo mental de admiração.

Pessoas menos pacientes com certeza devem ter xingado esse anime de TUDO QUANTO É NOME.

Foi o meu caso, leitor? Não. O meu caso foi ter sido enganada pelo MAL.

E só depois de terminar esse primeiro episódio que eu finalmente entendi POR QUAL MOTIVO O ELENCO DE DUBLAGEM, para apenas duas personagens, ERA GIGANTESCO!

Na primeira parte do episódio os créditos estavam assim:

Popuko ("Pipoca" neste texto), a loirinha tampinha, sendo dublada por Ebara Masashi.

Seus principais destaques são: Van Hohenheim de Fullmetal Alchemist, Shambal Ramal de Magi: The Kingdom of Magic, Guy Might de Naruto e Yomi de Yu Yu Hakusho.

Pipimi ("Pipico" neste texto), a comprida de cabelo azul, sendo dublada por Houchuu Ootsuka.

Seus principais destaques são: Jiraiya de Naruto, Zeus Keraunos de Kamigami no Asobi e Sakonji Urokodaki de Kimetsu no Yaiba.

Já na segunda parte, os créditos já estavam assim:

Popuko sendo dublada por Yuuji Mitsuya.

Seus principais destaques são: Diretor de Gin no Saji, Shaka de Virgem de Cavaleiros do Zodíaco e Tatsuya Uesugi de Touch (Studio Gallop).

Pipimi sendo dublada por Noriko Hidaka.

Seus principais destaques são: Nate River de Death Note, Shalnark Ryuseih de HunterXHunter (2011) (Madhouse), Kikyou de InuYasha (Sunrise), Ursula Callistis e Chariot du Nord de Little Witch Academia, Satsuki Kusakabe de Tonari no Totoro, Minami Asakura de Touch.

Caramba!
O Yuuji Mitsuya e a Noriko Hidaka trabalharam juntos em Touch!
E a moça, que dublou a versão Totoro da Pipimi... DUBLOU A SATSUKI DO FILME! MAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAANOOOOOOOOOOOOOOOOOOO...
As duas primeiras linhas são, respectivamente, a Popuko (Pipoca) e Pipimi (Pipico).
As aberturas são "Twinkling Star" de Drop Stars no primeiro episódio e "POP TEAM EPIC" de Sumire Uesaka no restante da série.

As "Drop Star" são as idols do anime inception.
Sosogu Hoshifuri (Yui Ogura), Shizuku Tsukino (Inori Minase) e Korona Yuhi (Sumire Uesaka).

O encerramento é "POPPY PAPPY DAY" cantado por alguns dubladores das personagens principais da série.

Na primeira parte dos episódios 1 a 7: Kenji Akabane e Shunsuke Takeuchi.
Na segunda parte dos episódios 1 a 7: Yui Makino e Yui Watanabe.

Na primeira parte dos episódios 8 a 11: Wataru Hatano e Toshiki Masuda.
Na segunda parte dos episódios 8 a 11: Hiromi Igarashi e Rei Matsuzaki.

No episódio final tem novamente a dupla Yui Makino e Yui Watanabe, e numa outra versão apenas o Shouta Aoi. Licht Grannzreich de Oushitsu Kyoushi Haine.

Pop Team Epic
2º episódio
MAS, GENTE, OLHA PIPICO E PIPOCA TIRANDO SARRO DO JEITO QUE O BLOG GOSTA!
Opinião: A abertura real de Pop Team Epic aparece a partir deste episódio e é uma mistura de loucura com incrível e uma pitadinha de "BORA GASTAR DINHEIRO NISSO, PORQUE VALE A PENA".

A série adapta um mangá no estilo 4-koma, que usam apenas quatro quadros para contar uma história. Normalmente cada tirinha é uma história, às vezes recebendo continuação.

Aí eu fico pensando em como a pessoa precisa ser criativa para fazer graça em apenas QUATRO QUADROS!

No anime cada esquete é animada por alguém diferente, por isso nem sempre as artes são as mesmas. E a impressão que se passa é dessa vontade de mostrar como é o lado mais "conceitual" e até mesmo zoado do trabalho.

Só não confunda essa parte "zoado do trabalho" com malfeito.
Digamos que as pessoas se permitiram brincar mais com seus próprios estilos dentro do contexto.

Em questões técnicas, acho que Pop Team tem muito a mostrar, principalmente para quem entende disso, o que não é o meu caso. Então não vou me esticar além do que posso.

Como espectadora e no meu jeito de blogagem procuro por entretenimentos, e tento separá-los entre os que têm histórias para contar e os que a mensagem é outra.

Tem realmente muita coisa ruim quando as novas temporadas chegam e nem tudo é passível de comentário episódio por episódio, periodicamente, e este é o caso aqui.

Ao contrário de outras obras, Pop Team não tem um humor tão ruim que eu sinta que estou perdendo o meu tempo assistindo, no entanto, é exatamente aquilo: consumo imediato e umas explosões de cérebro com as partes mais técnicas para quem gosta e entende disso.
Decidi tirar quatro sortes para o print ficar grande e... sinceramente, só porcaria mesmo.
Um detalhe muito divertido aqui é quando a Pipico e a Pipoca (fodam-se os nomes originais, minha memória é seletiva) aparecem num desenho que ainda está fase de produção, como se fossem entidades próprias, invocadas ali por uma maga.

Se você gostar dessas coisas de "bastidores" recomendo dar uma olhada em Shirobako que explica um pouco mais sobre a indústria dos animes.

E na sequência, observamos os dubladores que participavam da cena como herói e maga invocadora de doidas, reclamando com o produtor sobre o roteiro. Sobre as imitações que tinham que fazer.

Outro detalhe que merece TODO O DESTAQUE DO MUNDO é a localização, ou seja, o trabalho MAIS DO QUE BEM FEITO da Crunchyroll com as legendas E SINOPSES DOS EPISÓDIOS!

"Localização" para quem não sabe (eu mesma descobri só este ano) é quando adapta-se a tradução para que ela fique mais com cara do país, onde essa tradução irá aparecer.

Sabe aquelas liberdades que o estúdio de dublagem brasileiro de Yu Yu Hakusho tomou lá nos anos 90? Aquilo era também "localização".

Antes de tudo era "a fala não cabe, é muito curta/comprida e o personagem fala muito/pouco", ou seja, foi forjada no desespero e no "seja o que Deos Matoba quiser".

Neste episódio, na primeira parte tivemos os personagens tentando imitar o "Ma-oê" do Silvio Santos e na segunda... A FRASE DO RENATO ARAGÃO SOBRE TER PÃO NO CÉU!

Esse é o tipo de coisa que ganha lugar no meu coração rapidinho e se chama "localização". O trabalho do tradutor ou da equipe da CR me cativou e fez com que eu olhasse o anime com um pouco mais de carinho.

, para provar que eu não tinha me cagado o bastante nos primeiros minutos de Zombie Land Saga, ME BOTAM UMA MENINA FANTASMA DEPOIS QUE OS DUBLADORES SAÍRAM DO ESTÚDIO DE GRAVAÇÃO! Pelo menos na primeira parte, debaixo dos bancos, estava a nossa duplinha serelepe do anime.
Pelo menos aqui os dubladores ainda foram um pouco educados, ainda que dramáticos...
...Agora aqui foi uma forçação de barra que deu até mesmo vergonha alheia.
E NA SEGUNDA PARTE QUE ERA OUTRO MONSTRO ASSUSTADOR?
Mano, vocês não respeitam o cagaço da blogueira, é impressionante!
E nessa parte o produtor além de ser trollado pelos dubladores, ainda levou umas porradinhas...

MAS, GENTE...
POR QUE VOCÊS BOTAM O PRODUTOR PARA IR LIDAR COM A FÚRIA DA GALERA? CADÊ O ROTEIRISTA? ELE QUE DEVERIA ESTAR ALI APANHANDO!!!

E, antes que eu me esqueça ("memória seletiva", lembra?), rezei pela alma de todos os países que precisaram traduzir aquela "roleta da sorte" da Pipico e da Pipoca que passavam super rápido.

Não sei quem foi o ferrado do brasileiro que precisou ajeitar o texto para casar mais ou menos direitinho com a imagem, MAS REZEI MUITO PELA ALMA DELE! ESSE VAI DIRETO PARA O CÉU QUANDO MORRER! E COM DIREITO A BAGUETE FRANCESA!

O quê? Piada ruim? Onde?
Ah, este blog é feito de piada ruim, não estranhe.

Por fim, e não menos importante, A FELTRAGEM!

É, leitor... Sabe aquelas bonequinhas lindas feitas de lã escovada(?) e que normalmente a pessoa usa uma agulha para moldar? Aquilo se chama "feltragem" em português? De nada a todos que sempre quiseram saber e não tinham nem ideia de como perguntar no Google.

AQUILO DEVE TER DADO UM TRABALHO DESGRAÇADO PARA GRAVAR!
Muito provavelmente feito no stop-motion.

Você, assim como eu, pode não ter morrido de amores por Pop Team, mas "RESPEITA AS MOÇAS, PATENTE ALTA, DÁ AULA E COME LEITE MOÇA"!

Desculpa, sou ruim de rima e de paródia.

Muito bem, falemos então de quem dublou as duas doidas e... os heróis e suas magas invocadoras de fugitivas de manicômio!!!

Na primeira parte...

Popuko foi dublada por Aoi Yuuki.

Pipimi foi dublada por Ayana Taketatsu.

Seus principais destaques são: Yuzu Aihara de Citrus (Passione), Kotori Itsuka de Date A Live, Azusa Nakano de K-ON! (Kyoto Animation) e Kirino Kousaka de Ore no Imouto ga Konnani Kawaii Wake ga Nai (AIC Build).

Herói foi dublado por Nobuyuki Hiyama.

Seus principais destaques são: Ikkaku Madarame de Bleach, Uzu Sanageyama de Kill la Kill, Kenken de Sakamoto Desu ga? e Hiei de Yu Yu Hakusho.

Maga foi dublada por Asami Sanada.

Seus principais destaques são: Kurumi Tokisaki de Date A Live, Sawako Yamanaka de K-ON! e Matoi Tsunetsuki de Sayonara Zetsubou Sensei (Shaft).
Na terceira e quarta linha, de cima para baixo, temos respectivamente o herói e a maga.
Na segunda parte...

Popuko foi dublada por Toshio Furukawa.

Seus principais destaques são: Piccolo de Dragon Ball, Nezumi Otoko/Ômi Rato de GeGeGe no Kitarou (2018), Ataru Moroboshi de Urusei Yatsura (Studio Pierrot e Studio Deen) e Osa de Ushio to Tora.

Pipimi foi dublada por Shigeru Chiba.

Seus principais destaques são: Nezumi Otoko/Ômi Rato de GeGeGe no Kitarou (1996) (Toei Animation) e Kazuma Kuwabara de Yu Yu Hakusho.

Herói foi dublado por Yoshimitsu Shimoyama.
No MAL os créditos são todos para personagens secundários (supporting).

Maga foi dublada por Satomi Arai.

Seus principais destaques são: Megumi Iida, a mãe da Kotori, de Amaama to Inazuma, Asuka Connel e Bisca Mulan de Fairy Tail, narradora de Net-juu no Susume, Natoo Kozou de Nurarihyon no Mago e Kuroko Shirai de Toaru Majutsu no Index (J.C.Staff).

Pop Team Epic
3º episódio
Mas aí que está o problema, Pipico, DENTRO DO CARRO NÃO É VERMELHO!
Opinião: E bastou citar o anime da Franchouchou, que apareceu o que neste episódio, leitor? ISSO MESMO! O FANTÁSTICO MUNDO DAS IDOLS!

Tivemos aí mais referência a cultura pop, como a produtora de idols sentada num trono de cimento (perdeu a chance de fazê-lo de ferro, Japão) vestida como o vilão Bison de Street Fighter (Capcom).

Melhor que isso foi escutar uma versão NÃO PROCESSÁVEL do riff de guitarra do programa Professional Shigoto no Ryuugi da NHK, que é cantada por Suga Shikao. Eleteve algumas de suas músicas usadas como abertura ou encerramento de animes, entre eles em xxxHolic.

Curiosidade: A música é "Progress" da banda Kokua, formada especialmente para interpretar o tema.

E falando em música, tivemos aqui também a "Peer Gynt - Amanhecer" que toca dando a entender que está de manhã, mas na realidade Pipoca dormiu demais e JÁ ESTÁ DE NOITE! HUEHUEHUEHUEHUEHUE!

Essa Pipoca me representa muito!
A menina pegou a legenda com o nome da música e começou a bater na parede, destruindo, possessa pela raiva. Como não amar?

Peer Gynt é uma peça teatral escrita em versos por um dramaturgo norueguês chamado Henrik Ibsen. Ela foi musicada pelo compositor norueguês Edvard Grieg.

Mais uma vez temos a inserção do moço francês e as curtas historinhas de nossa dupla LOCAÇA passeando por Paris. Que vibe de Miraculous Ladybug...

A cena do "mestre do samba" não foi lá algo realmente notório.
Era para ficar ofendido, porque a Pipoca dançou mambo que não tem nada a ver com samba?

Vira e mexe e o humor de Pop Team não conversa com o espectador. Parece coisa de piada interna.
Quando até mesmo o chão está cansado de ser pisado e você não... Não, pera...
Gostei da Pipico comentando que carro vermelho é bom para esconder as manchas de sangue e que o fato de ser silencioso deixa ainda melhor para matar sem fazer barulho. Medo dessa menina.

Mas, para mim, a melhor esquete é a do chão indo dar um rolê.

"Miga, sua loka, tá rolando sem sair do lugar por quê?"
"Piranha, tu nem vai acreditar. Tava eu de bubuia andando pela rua, quando o chão foi dar um rolê?"
"Bicha, tu cheirou, foi?"
"Cheirei nada, desgrama! QUER IR PRO PAU, SARNENTA?"

Dramatização à parte...
O CHÃO INDO DAR UM ROLÊ E A OUTRA CHAMANDO PRO PAU foi simplesmente lindo. Quero proteger essa esquete retardada.

Ainda mais divertido foi o encerramento um pouco diferente, com uma televisão ao fundo e a Pipoca querendo meter a marreta no relógio do cuco.

Pop Team é criativo, um tanto conceitual e um belo projeto que juntou uma galera realmente incrível.

Mesmo não me pegando com aquele humor de gargalhar para ficar sem ar, os fatores de "bastidores" acabaram complementando a minha experiência.

Pretendo assistir o resto do anime quando tiver um tempo sobrando.

E agora vamos encerrar falando de... MAIS ELENCO DE DUBLAGEM!
Se você quiser saber o elenco completo vá no MAL, pois o Blogger não sustenta tanto texto e imagem. Pena que meus dubladores favoritos até este episódio não apareceram. Chateada.
Na primeira parte...

Popuko é dublada por Mikado Komatsu.

Seus principais destaques são: Sakuya-hime de Hoozuki no Reitetsu, Priapos de Junketsu no Maria, Okou de Tsukumogami Kashimasu e Asako Nakamura de Ushio to Tora.

Pipimi é dublada por Sumire Uesaka.

Seu destaque no blog é: Peach Maki de Hoozuki no Reitetsu.

Na segunda parte...

Popuko é dublada por Ryusei Nakao.

Seus principais destaques são: Mayuri Kurotsuchi de Bleach, Frieza de Dragon Ball Z e Tanji Washijou de Haikyuu!! 3.

Pipimi é dublada por Norio Wakamoto.

Seus principais destaques são: Gorou Ootaki de Detective Conan (TMS Entertainment), Cell de Dragon Ball Z, Katakuriko Matsudaira de Gintama (Sunrise) e Chuu/Tiyu de Yu Yu Hakusho.

Pipico, pega a Pipoca!
Verdade seja dita, comédia sem noção também não é muito a minha praia, no entanto, Pop Team Epic pode ser apreciado muito além das suas esquetes, principalmente se lembrarmos do ótimo trabalho feito pelo verdadeiro time épico que trouxe a animação à vida da forma como a conhecemos e também ao tradutor da Crunchyroll.


Não tenho certeza se o Fernando Mucioli foi o único a trabalhar nessa série, afinal, NUNCA VI CRÉDITOS NA CR. Aliás, seria muito legal saber quem trabalhou diretamente em cada anime, contudo... Fico pensando se isso não poderia tornar a vida da pessoa num pequeno inferno.

Uma vez que, alguém poderia não gostar do resultado e ficar enchendo o saco do tradutor. É compreensível o desgosto, nunca a falta de respeito.

De qualquer forma, recomendo aqui o texto do moço falando sobre "Vacilasco da Gama"

Joga confete e serpentina que a marchinha de Carnaval no Kimono Amarelo é regada a muito anime e mangá! Vem curtir o feriadão comigo! Vem pro CarnaKimono!

Nos vemos dia 11/06 (terça) às 13h com Dimension High School!


Por Kimono Vermelho aquela que não aguenta mais fazer post um dia antes de ir ao ar... ME DEEM FÉRIAS! - 24/05/2019

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não é permitido aqui (ou seja, os comentários serão excluídos):
-Falta de respeito;
-Marketing (comentário genérico e marketing do seu blog);
-Ameaças (principalmente se incluir Cthulu);
-Links externos;
-E encheção de saco (aqui não é sua casa).

TENHA BOM SENSO!!!
É contrário a opinião do post ou de um comentarista, use argumentos e não bombas caseiras de recalque mais indiretas de cunho duvidoso.

P.S.: Eu costumo responder de forma humorada os comentários, então não ache que cada apontada de dedo é diretamente para o seu umbigo.

Obrigada e faça uma boa viagem na seção de comentários! o/